12 de out de 2009

Infância

Eu e minha primeira boneca. "Não fui, na infância, como os outros e nunca vi como os outros viam. Minhas paixões eu não podia tirar das fontes igual à deles; e era outro o canto, que acordava o coração de alegria. Tudo o que amei, amei sozinho." Edgar Allan Poe Continuo amando sozinha, como se ainda fosse aquela criança que nunca cresceu... Bjo, bjo!

4 comentários:

  1. Até ao dia em que serás surpreendida, ao virar da esquina, por um grande amor ;)

    ResponderExcluir
  2. Nice, eu era né? rs...obrigada!

    ResponderExcluir

Diga aí...